Colunista|08.jan

Sou bicho do Paraná – Caiobá

Olá amigos do site da Mônica Cordova e da Viajar Mais Turismo! O verão de 2020 convida a viajar e conhecer lugares maravilhosos para refrescar e descansar. que tal conhecer e visitar o Paraná?

Entre as diversas opções da Viajar Mais Turismo apresentamos Caiobá, uma praia e um balneário pertencente ao município de Matinhos, localizado no litoral do Paraná. Atrai anualmente milhares de turistas. A colonização veio após a chegada do francês Auguste de Saint-Hilaire, quando começa a surgir a Vila de Matinhos.

Em 1927 foi inaugurada a Estrada do Mar, ligando Paranaguá à Praia de Leste, que trouxe muitas famílias alemãs, entre elas a família de Augusto Blitzkow, responsável pela urbanização de Caiobá. A população é miscigenada, formada por descendentes dos índios carijós, portugueses, italianos, alemães e outros.

Apresenta uma estrutura social particular, devido às características da formação de sua população fixa e sazonal, em relação aos veranistas e turistas. Uma das principais atrações a Praia Brava com águas rasas e um pouco agitada, circundada por um jardim e alguma vegetação. Num de seus extremos localiza-se o Morro do Boi e no outro a Pedra de Matinhos. Nela são realizados campeonatos de surf.

Praia Mansa também é uma das mais visitadas, localizada na entrada da baía de Guaratuba, com águas bastante calmas e pouco profundas, possui um bem cuidado jardim ao seu redor. Dela atinge-se a Praia Bela ou Prainha do Farol e a Ilha das Tartarugas. Fonte: Guia do Turista Brasil

Venha conhecer as propostas da Viajar Mais Turismo, até a nossa próxima dica.

Imagens: Guia do Turismo Brasil


por Jussara Feix Klososki

Jussara Feix Klososki, casada com José Luiz Klososki, natural de Porto União - SC, atualmente reside em Guarapuava, empresária proprietária da Viajar Mais Turismo & Intercâmbio. Rua Quintino Bocaiúva, 1352- (42) 3304-6604

Colunista|27.jan

Terrorismo Biológico

Colunista|23.jan

Carnaval no Nordeste

Colunista|22.jan

Colapso Ecológico

Colunista|13.jan

Um doce e gordo veneno

Colunista|13.jan

Vinhos de verão